25 de outubro de 2012

Resultado dos Exames: Quer dar um "Glória a Deus" Comigo?

Que saudades de postar aqui!!! Nossa...Gostaria de falar tantas coisas!!!


Pra ficar diferente...e como faz tempo que não apareço no blog, vamos começar a história de trás pra frente? E pra voce que me acompanha e torce por mim...É simples! Que tal um "Gloria Deus" gigante aí dentro da sua alma?! Pelo que? Que tal o resultado aí em baixo? (é meio ruim de ler, mas o que vale mesmo é o que está logo depois da palavrinha: IMPRESSÃO:

                            

Glória à Deus!!! Pela sua infinita misericórdia e amor por mim!!! Obrigada Senhor pelo presente que recebi hoje!!!



Bom, quem conhece alguém que já passou por uma sitação como esta, com certeza, deve ter uma pequena noção da ansiedade ENORME que nos rodeia quando chega a data de realizar os exames de controle (no meu caso...a cada 3 meses).

Como esta é a segunda vez que faço as tomografias após a remissão, acho que ainda não me acostumei com esta adrenalina toda...rs. Só Deus pra tranquilizar esse esse coraçãozinho...rs.


A vida praticamente voltou ao normal nestes últimos meses...O trabalho, o estudo (até dei início às aulas de inglês...rs), o corre-corre do dia-a-dia, uma consulta aqui outra acolá, mas toda maturidade interior que esta experiencia me trouxe, ainda está viva dentro de mim e não quero deixá-la morrer!

Parece estranho não é? Mas não quero esquecer tudo isso! Meus valores hoje são outros e não quero que o Mundo me leve de volta a superficialidade...Meu conceito de VIDA é outro! O que eu achava que era FELICIDADE mudou também. Sou outra pessoa por dentro!

Sabe aquele sentimento de gratidão pela vida? De dar valor ao que realmente importa e a de não engrandecer aquilo que nao merece o meu sofrimento? A vontade de agradar somente à Deus e a de querer conhecer os planos que ele tem pra nós todos os dias? A de estar sempre perto das pessoas que a gente ama! A de querer perdoar, mesmo quando no fundo algo parece dizer o contrário... 

Impressionante como a maioria das pessoas a nossa volta se importam apenas com aspectos superficiais ou materiais. Se apegam e sofrem por coisas tão pequenas e sem fundamento! Talves nunca tivessem tido a experiência de sentir a sua VIDA esvaindo pelas mãos...e infelizmente não enxergam o "valor" certo para cada coisa.

Se eu pudesse, daria um conselho a estes: "Entregue a sua vida à Deus e viva todos os dias como se o seu dia fosse o último!" Afinal, não sabemos quando ele pode chegar!

Um grande beijo à todos!
Postar um comentário